Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

politicaxix

politicaxix

25.Jun.05

O Comunismo, esse grande motor do desenvolvimento no Sec. XX

Para quem se quiser rir, no blog dos barnabés, o intelectual Daniel Oliveira anda por lá a escrevinhar sobre os méritos do Comunismo no século XX. A classe trabalhadora, diz ele, vive incomparavelmente melhor no final do século XX que no início do século. Tal é incontestável, acrescentaria eu. Mas em que é que isso se deve ao Comunismo? Afinal, quais foram os progressos dos países que optaram pelo modelo comunista? Façamos uma breve resenha.

União Soviética:
O Estado apropriou-se das propriedades dos camponeses e instituiu os terrenos agrícolas colectivizados. Resultado: Fome e miséria generalizadas. A fome tornou-se endémica causando mortes todos os anos. Em 1922 causou cinco milhões de mortos e em 1932 causou seis milhões de mortos.

China:
Os chineses copiaram o modelo de colectivização da propriedade seguido pelos soviéticos tendo instituído as “comunas”, unidades económicas auto-suficientes que incluíam indústria ligeira. O projecto comunista chinês foi designado por “Grande Salto em Frente” e constituiu na realidade um grande salto para o abismo, uma verdadeira catástrofe. Como consequência da implantação das medidas comunistas, estima-se que tenham morrido de fome entre 30 a 70 milhões de pessoas, dependendo dos autores. Nos “três anos amargos” (1959-61), viveu-se o mais negro período de fome da História da humanidade, um motivo de orgulho para o Comunismo.

Coreia do Norte:
A Coreia do Norte foi outro estado que, após a invasão soviética em1945, seguiu o modelo de desenvolvimento com patente de Estaline. Resultado: A economia estagnou, dois milhões de pessoas morreram de fome e hoje em dia 70% da população está sub-nutrida, segundo os números oficiais da ONU.

Camboja:
O líder revolucionário comunista Pol Pot instituiu as propriedades agrícolas comunais e um sistema de educação comunal. De forma a fornecer mão de obra às propriedades agrícolas, transferiu os habitantes dos centros urbanos para as propriedades agrícolas. Resultado: Fome e doença generalizadas. A experiência comunista de Pol Pot ficou conhecida como “Projecto Genocida Cambojano” tendo causado entre 1,7 a 3 milhões de mortos. A capital Pnom Penh ficou transformada numa cidade fantasma.

Resto do mundo:
Experiências comunistas causaram ainda um milhão e meio de mortos no Afeganistão, um milhão no Vietname e vários milhões por esse mundo fora. O comunismo é também responsável pela pobreza que actualmente existe em vastas áreas do globo, como por exemplo na Europa de Leste, a qual só conheceu o desenvolvimento após a queda do muro de Berlim. Países que se dividiram e optaram por modelos económicos distintos, como sejam Alemanha Ocidental / Alemanha de Leste, Coreia do Sul / Coreia do Norte, China /Taiwan, mostram inequivocamente o que se pode esperar do Comunismo: Fome e miséria.

O Daniel Oliveira até é um rapaz inteligente e esclarecido, o único problema dele é que sofre de alguma atrapalhação mental e por vezes escreve o contrário do que pretendia escrever. Assim, há que acrescentar uma errata ao texto do Daniel: Onde se lê “os trabalhadores vivem melhor devido ao Comunismo”, deveria ler-se “os trabalhadores vivem melhor apesar do Comunismo”.

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2008
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2007
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2006
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2005
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D