Segunda-feira, 18 de Julho de 2005
Tony Blair, um D. Quixote dos tempos modernos
Os recentes atentados terroristas em Londres deixaram todos os “opinion-maker” politicamente correctos europeus à beira de um ataque de nervos. De um momento para outro, viram desmoronar-se todos os seus sofismas tão ardilosamente construídos sem que dispusessem sequer de tempo para se adaptar a uma nova realidade.

Os terroristas “não eram pobres, não sofreram nunca qualquer tipo de discriminação ou humilhação e não estavam “desintegrados” em relação à sociedade” lamentava-se uma pobre jornalista britânica. Todos os argumentos até aqui sistematicamente utilizados para desculpabilizar os elementos pertencentes a minorias étnicas envolvidos em actividades criminosas estavam assim excluídos. Toda uma teoria caía pela base sem que houvesse sequer tempo para a tentar remendar, encontrado por exemplo qualquer desculpa que imputasse a responsabilidade dos actos terroristas à sociedade Ocidental. Restava limitar os danos rescrevendo a História. Para a BBC não houve terrorismo nem terroristas, termos demasiado associados ao fundamentalismo Árabe. Houve sim uns ataques criminosos levados a cabo por um grupo de bombistas. Aliás, há já algum tempo que a imprensa britânica vinha ensaiando esta nova linguagem politicamente correcta para grande irritação dos Israelitas. Os terroristas palestinianos são agora designados por “activistas”, e os ataques terroristas designados por “iniciativas”.

Os conflitos étnicos e raciais no Reino Unido não são novos, porém os sucessivos governos, até agora, sempre tinham encontrado a receita para os controlar: Repressão sobre a população branca e uma feroz discriminação racial favorável às minorias. Por exemplo, foi criada uma lei que pune com pena até dois anos de prisão uma pessoa que faça referência à raça ou origem étnica de alguém. Naturalmente que esta lei é apenas para aplicar se a referência for feita às minorias étnicas. A nenhum Inglês lhe passaria sequer pela cabeça fazer queixa à polícia de que alguém o chamou Inglês. Uma enfermeira africana viu-se milionária de um momento para o outro, quando uma mãe não permitiu que ela tratasse do seu filho recém-nascido (indemnização paga pelo Serviço Nacional de Saúde). A BBC atribuíu às minorias étnicas uma cota de 20% nos seus quadros, valor muito superior à percentagem oficial de população pertencente a minorias étnicas. Um mesmo espaço público é cedido aos muçulmanos para celebrar o Ramadão mas não aos Cristãos para celebrar o Natal. Os cartões de boas festas de Natal foram proibidos de circular fora de envelopes fechados para não melindrar os muçulmanos.

Quando em 2002 as minorias étnicas causaram graves distúrbios em várias cidades, Oldham, Leeds, Bradford, etç, agredindo brancos, saqueando as suas lojas, incendiando automóveis, provocando o pânico e a destruição, o governo reagiu da forma habitual: não puniu os criminosos e estes foram ainda premiados com mais subsídios de integração. Agora, o governo simplesmente não sabe que fazer. Limita-se a desculpar a comunidade Árabe dizendo que estes, na sua maioria, são cidadãos exemplares, tão exemplares como o eram os terroristas antes de cometer os ataques.


E é assim que Tony Blair se lança numa batalha perdida contra o terrorismo qual D. Quixote contra os moinhos de vento. E a batalha está perdida porque Blair se recusa a identificar o inimigo, e ao mesmo tempo, para o apaziguar, concede-lhe cada vez mais meios. E o inimigo é precisamente a comunidade Islâmica que Blair tem no seu quintal, uma comunidade que não se cansa de produzir terroristas em série. A explicação é muito simples:


Uma população produz distribuições normais em relação às características dos indivíduos. Por exemplo, no que diz respeito à altura a maioria dos indivíduos possui uma altura próxima da média mas é inevitável que existam também indivíduos muito altos e muito baixos,

altura.jpg
Distribuição normal da altura de uma população

O princípio que rege o comportamento da comunidade Islâmica (ou qualquer outra comunidade) é exactamente o mesmo. Neste caso, é uma comunidade em que a maioria dos seus elementos detesta o mundo Ocidental e, como tal, o aparecimento de terroristas no seio desta comunidade é inevitável.

comislam.jpg
Distribuição normal do comportamento da população da comunidade Islâmica

Esta recente ideia peregrina de Tony Blair, de se aliar aos Árabes para combater o terrorismo só faz mesmo recordar o filme “dormindo com o inimigo”. Tony Blair não está a defrontar os terroristas... está a defrontar as leis da matemática, e o resultado certamente não será famoso.


publicado por thestudio às 03:18
link do post | comentar | favorito

8 comentários:
De Tiago Mendes a 26 de Julho de 2005 às 17:09
Muito bom post, gostei da analise!


De BastonadasNacionais a 20 de Julho de 2005 às 09:21
Nem mais The Studio!!! Os que apoiam o terrorismo não vão obviamente declará-lo públicamente, os que não apoiam também não têm influência nenhuma sobre o terrorismo.
Aquele encontro foi uma fantuchada para inglês ver... literalmente :)


De The Studio a 19 de Julho de 2005 às 18:24
Elise:
Penso que esta reunião do Blair com os líderes muçulmanos é apenas "show of". Por um lado não creio que os líderes muçulmanos estejam a ser sinceros. Mesmo que alguns o estejam a ser, outros vêem-se "obrigados" a condenar o terrorismos para que não caia sobre eles o peso de uma opinião pública negativa. Por outro lado, não acredito que estes líderes tenham qualquer influência sobre os potenciais terroristas. Pode até ter um efeito negativo, se transmitir a ideia que Tony Blair está a tentar manipular a comunidade Islâmica. Este encontro, quanto a mim só tem dois objectivos: Melhorar a imagem da comunidade Islâmica perante a opinião pública e dar a sensação que o Tony Blair está a fazer algo.


De adryka a 19 de Julho de 2005 às 16:49
Certo, mas o gajo não é burro de todo, ele pode estar a jogar em dois tabuleiros.
Beijo


De Elise a 19 de Julho de 2005 às 13:19
O Tony reune-se hoje com os líderes muçulmanos. Estes já elaboraram uma fatwa contra os ataques suicidas e terroristas.

O cepticismo é generalizado.


De DexteraVox a 19 de Julho de 2005 às 10:54
Caro "TheStudio":

De facto os seus posts são de uma extrema pertinência. Agradeço as visitas e comentários que me vai fazendo...apenas lhe pedia que me não incluísse nos blogs "neo-liberais", pois é sentimento que não tenho e contra o qual luto mesmo dentro do meu partido.

Cumprimentos:

Dextera


De Rebatet a 18 de Julho de 2005 às 17:09
Excelente, é exactamente isso. A parte das distribuições estatísticas está particularmennte conseguida :)


De BastonadasNacionais a 18 de Julho de 2005 às 11:57
:) Muito bom! Já fazia falta!
The Studio estiveste de férias?


Comentar post

Contacto

 thestudio@sapo.pt

pesquisar
 

PARTIDOS DEMOCRÁTICOS PORTUGUESES:

_______

 BLOGS

Abrupto
Anjos e Demónios
Arrastão
Atlantys

 

Biblioteca de Babel
Bichos Carpinteiros
Biodesagradaveis
Blasfémias
Blog Anti blog
Boas intenções

 

Causa Nossa
Cegos Surdos e Mudos
Cinco Dias
Confraria do Atum

 

Demokratia
Diário de uma Boa Rebelde
Do Portugal Profundo

 

Faccioso

 

Gengibre Lilás
Grande Loja do Queijo Limiano

 

Império Lusitano
Impertinências
It's a Perfect Day Elise

 

Jardim do Arraial

 

Legião Invicta
Letras com Garfos
Lusitânia 88

 

Máquina Zero

 

Nova Frente

 

Observatório da Jihad
O Carvalhadas
O Crepúsculo
O Comunista
O Fogo da Vontade
O Insurgente
O Número Primo
O Triunfo dos porcos
O Velho da Montanha

 

Pena e Espada
Pictured Words
Política Maluca
Portvgvesa
Propriedade Privada

 

SG Buiça
Soberania e Nacionalismo
Some like it hot

 

The Flying Circus
Tomar Partido 2
Trinta e um da Armada

 

Último Reduto

 

REST IN PEACE
All pigs must die
Batalha final
Blog17
Blog Anti-Anacleto
Demokratia (antigo)
Dextera Vox
Galeria dos Horrores
O Número Primo (antigo)
Semiramis
Tomar Partido
posts recentes

...

Melhor marcador do Euro 2...

Euro 2012 odds

Xadrex Comb. (1)

A um amigo que discorda (...

Aventuras do Eng. Pinóqui...

Hello Boys !!

Assim vai Portugal

Acampamento de jovens do ...

Coincidências

arquivos

Junho 2012

Junho 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Março 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Outubro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

blogs SAPO
subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post